0

Alimentação Equilibrada X Menopausa

Recentemente, um estudo norte-americano revelou que manter uma dieta com baixo teor de gordura ajuda na redução de sintomas da menopausa, como ondas de calor e os suores noturnos. A pesquisa avaliou mais de 17 mil mulheres que não faziam qualquer tipo de tratamento de reposição hormonal. Cerca de 40% das participantes fizeram alimentações com baixo teor de gorduras e rico em frutas, verduras e cereais integrais. Já as demais mantiveram sua alimentação costumeira. O resultado revelou que o público feminino que realizou a dieta estava 14% mais predisposta a eliminar os sintomas do problema.
“Esse estudo evidenciou que mulheres menopausadas que mantem uma dieta pobre em gordura e que reduzem o peso corporal têm melhora dos sintomas de fogachos e suores noturnos. Esses sintomas tendem a durar menos tempo também”, revela  a ginecologista e obstetra Denise Gomes, diretora-médica da Plena Clínica.
Se quiser ficar longe das ondas de calor, a alimentação equilibrada faz a diferença.

E não precisa esperar a menopausa chegar, já na meia-idade, a partir dos 30 anos, os alimentos precisam ser selecionados pensando no seu bem-estar. Produtos repletos de vitaminas do complexo C, zinco, cálcio, magnésio e selênio ajudam a amenizar as causas decorrentes dos déficits hormonais.
Rica em isoflavonas (que tem a função de substituir os hormônios que faltam por conta da menopausa), a soja aparece no topo dos alimentos que combatem os sintomas. Alface, pepinos e alimentos diuréticos em geral também ajudam bastante. O ideal é evitar sódio, consumo de álcool e fumo durante esse período. Produtos que contêm vitamina E, como girassol, palma, milho, soja e oliva são ajudam a diminuir as fontes de calor.
Perto e longe
Invista em alimentos crus, como frutas e verduras, pois diminuem a acidez do sangue. Abuse dos condimentos naturais, frescos ou secos, como cebola, alho, orégano, salsa e aumente o consumo de quinoa ou amaranto. Contudo, evite ao máximo alimentos ricos em gorduras saturadas e os refinados, molhos prontos para saladas e açúcar em excesso, pois ajuda para as alterações de humor.
Créditos
Ginecologista e obstetra Denise Gomes
www.plenaclinica.com.br



0 comentários:

Postar um comentário